Páginas

junho 03, 2013

Dicionário das crianças (colombianas)


Adulto: Pessoa que em toda coisa que fala, fala primeiro dela mesma (Andrés Felipe Bedoya, 8 anos)
Água: Transparência que se pode tomar (Tatiana Ramírez, 7 anos
Céu: De onde sai o dia (Duván Arnulfo Arango, 8 anos)
Dinheiro: Coisa de interesse para os outros com a qual se faz amigos e, sem ela, se faz inimigos (Ana María Noreña, 12 anos)
Escuridão: É como o frescor da noite (Ana Cristina Henao, 8 anos)
Inveja: Atirar pedras nos amigos (Alejandro Tobón, 7 anos)
Lua: É o que nos dá a noite (Leidy Johanna García, 8 anos)
Mãe: Mãe entende e depois vai dormir (Juan Alzate, 6 anos)
Paz: Quando a pessoa se perdoa (Juan Camilo Hurtado, 8 anos)
Solidão: Tristeza que dá na pessoa às vezes (Iván Darío López, 10 anos)
Tempo: Coisa que passa para lembrar (Jorge Armando, 8 anos)
Violência: Parte ruim da paz (Sara Martínez, 7 anos)

Ancião: É um homem que fica sentado o dia todo (Maryluz Arbeláez, 9 anos)
Branco: O branco é uma cor que não pinta (Jonathan Ramírez, 11 anos)
Deus: É o amor com cabelo grande e poderes (Ana Milena Hurtado, 5 anos)
Guerra: Gente que se mata por um pedaço de terra ou de paz (Juan Carlos Mejía, 11 anos)
Igreja: Onde a pessoa vai perdoar Deus (Natalia Bueno, 7 anos)
Sexo: É uma pessoa que se beija em cima da outra (Luisa Pates, 8 anos)
Universo: Casa das estrelas (Carlos Gómez, 12 anos)

O dicionário está no livro "Casa das estrelas: o universo contado pelas crianças", uma obra que surpreendeu ao se tornar o maior sucesso da Feira Internacional do Livro de Bogotá, no final do mês de abril. 
"Acho que o Sir Aurélio precisará rever seus critérios..."  (♥)

Dicionário das crianças surpreende adultos


2 comentários: