Páginas

junho 03, 2013

Meditação Amizade

...todos juntos somos fortes
Somos flecha e somos arco
Todos juntos somos fortes
Não há nada pra temer,
Do meu lado há um amigo
Que é preciso proteger,
Todos juntos somos fortes 
(Ouvindo Saltimbancos Trapalhões,..)

Amigos são aqueles que sabem de nós. Que querem saber.
Que se importam. Que ligam e perguntam como você está, querendo que esteja bem.
Felizes quando te vêem feliz, tristes quando te vêem com aquela expressão pesada, cabisbaixa, quando responde com reticências. Procuram você, e há encontro, há abraços, bem querer.
Se existe bem querer, se há colo, acolhimento, mesmo sem pedir, conselhos com intenção de ajudar a modificar a bagunça interna... Então essa existência breve por aqui é calorosa, compartilhada. Mais bonita também.
Tem coisas que não são para banalizarmos, e essa vida curta, corrida, virtual.. Não é desculpa para se eximir das ausências, das faltas pessoais. (Todo mundo tem seus problemas também).
Quero olhar mais pra o outro, cuidar desse outro, mesmo que ele ou ela não peça: olhar atento, coração aberto pra receber, mãos estendidas pra segurar, apoiar, quando tudo parece cair, desmoronar, ruir. Ou dar as mãos quando está tudo bem, só pra dizer que se está ali.
Quero estar ali, ao lado, e dizer: eu te seguro, estou aqui, conte comigo.
E acreditar que o outro possa fazer o mesmo por mim. Esses tempos modernos não vão apagar, nem ultrapassar o significado original, verdadeiro, que guarda a palavra amigo.
Quero-os perto de mim, quero-os meus tanto quanto eu possa ser deles também, e uns dos outros, e nos misturamos todos em força, carinho, proteção, amizade; igualzinho como diz a música do início.

Nenhum comentário:

Postar um comentário