Páginas

janeiro 13, 2014

Sapere Aude

E se, ao invés de escombros, de tempestades e intempéries;
a eutanásia da inquietude.
Nos recusássemos os desastres que nos causamos..?
Nos atreveremos a mudar os padrões, nos beliscarmos, acordarmos-nos.
O Nirvana pessoal e intransferível.

Ousemos.

Um comentário:

  1. ...percorrer os mistérios desse espaço interior. Fazer um "garimpo" dentro do si-mesmo...é dar saltos quânticos rumo a um processo individual de auto-conhecimento...transformação..."

    ResponderExcluir